As regalias dos políticos

blog

Com base nessa imagem amplio a discussão para todas as regalias que os parlamentares usufruem. A regalia mais impactante que os políticos recebem são os salários extremamente elevados, o que gera uma indignação para grande parte dos brasileiros. Recentemente, os deputados federais se deram um aumento salarial de 26%, equivalente a uma remuneração de mais de R$33.000,00 mensais.

Consequentemente, na esfera estadual e distrital, os deputados também tiveram aumento. Anteriormente um deputado distrital/estadual recebia cerca de R$15.000,00, agora, com o novo reajuste eles, receberão cerca de R$20.000,00. E toda essa mamata já está em vigor.

Além do salário elevado, cada deputado federal e senador recebe auxílio-moradia num valor de R$3.800,00. No entanto, o Governo Federal disponibiliza para os 513 deputados e os 81 senadores apartamentos funcionais, em uma das regiões mais valorizadas da capital brasileira. 

Junto a essas mordomias eles têm direitos a: atendimento médico ilimitado nos melhores hospitais do país, passagens aéreas, carros disponível a qualquer hora e lugar, vale combustível, telefone e verba de gabinete para contratar até 25 assessores, tudo pago com o dinheiro público. Esses detalhes nos dão uma pequena amostra sobre as regalias dos parlamentares brasileiros.

Analisando tais fatores, fica a indignação quando é noticiada a luta dos professores por salários mais dignos.

Recentemente, foi anunciado que o piso nacional para os professores do ensino básico será elevado para R$1.917,78, um reajuste de 13,01%, que valerá a partir deste mês. O reajuste já foi uma grande vitória, contudo, não se compara a alteração salarial dos parlamentares e todos os seus benefícios. Na verdade é vergonhoso um educador, um profissional que ensina as futuras gerações, receber tal remuneração.

Pesquisas indicam que cada deputado federal custa aos cofres públicos cerca de R$150 mil por mês, e um senador R$170mil. Isso significa que cada parlamentar, em um ano, custa em média R$1.800 bilhão anuais.

Ou seja, se houvesse uma redução no custo de cada parlamentar, com certeza haveria dinheiro mais do que suficiente para as verbas da educação, saúde, segurança pública e demais áreas. Também haveria dinheiro suficiente nos cofres para uma remuneração decente aos funcionários públicos, principalmente para os professores do ensino básico.

No entanto, os parlamentares que estão no poder se imaginam em um grau acima da população, ou seja, se sentem como se fossem verdadeiros reis.

Isso tem sido possível por causa do distanciamento de cada cidadão da vida política da sua cidade, do seu estado e do seu país. Se nos mantivermos conscientes de quem são as pessoas que colocamos para nos representar, e depois disso efetivamente fiscalizarmos cada um deles, problemas como, desvio de verba, promessas não cumpridas, ou mesmo a ineficiência dos políticos, não serão tolerados pela população.

Assim agindo, e colocando um fim nas regalias dos políticos, teremos um caminho para que o Brasil seja um país prospero. Com essa proposta a expectativa é que haja educação e saúde digna para todos, independente do bairro ou da renda familiar, e, possivelmente, com a redução da corrupção que nos assola.

Anúncios

Um comentário sobre “As regalias dos políticos

  1. Realmente, após ler e analisar todos esses números gordos com relação aos salários dos deputados e o miserável recebido pelos professores podemos ver o quão discrepante é a nossa realidade quanto aos pagamentos mensais.
    Ver que recebem mais de três mil reais em auxílio aluguel JÁ possuindo imóvel é realmente um absurdo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s